sábado, 22 de outubro de 2011

Banco do orgasmo


O crédito, antes da crise, era tão fácil que até crianças e mesmo cães recebiam cartões de crédito pré-aprovados com limites que iam dos simpáticos $10000 aos modestos $100000 mas não é sobre isso que iremos falar.

Um banco checo encontrou uma forma original de atrair os clientes.
Se por cá temos pessoas que falam consigo com um sorriso estampado e desejamos colocar o dinheiro por causa da sua simpatia ou credibilidade na Républica Checa as pessoas vão colocar dinheiro no banco com a intenção de obter prazer.

Confira no vídeo abaixo:


"Ter um orgasmo é como ir ao banco."

Enquanto que este banco nos quer levar ao delírio no Reino Unido a história é diferente.
O banco Halifax enviou uma carta com um convite para um potencial cliente propondo-lhe aderir a um cartão de crédito.
Até aqui tudo normal se não fosse a forma como a carta começou.

Steve segura na carta que o mandou se f#der
"Caro Sr. Vai-te F#der, gostaria de ter um cartão de crédito?"
Quem recebeu esta agravadável supresa foi Steve Smith, de Lancaster, que ficou horrorizado com a missiva.
Ele comentou ainda que coincidentemente estava a pensar em abrir conta neste banco mas depois desta carta é algo fora de questão.
Para ajudar à festa, a janela do envelope estava rasgada e o nome rasurado com uma esferografica provando que alguém ter-se-à apercebido da "profanidade".
Claro que tudo não passa de um lamentável erro informático que até tem alguma graça, sem ofensa para o senhor.

Sem comentários:

Enviar um comentário