terça-feira, 10 de novembro de 2015

Homem morre com cancro de ténia

A comunidade médica ficou surpreendida por ter encontrado durante uma autópsia que um homem morreu por causa de um cancro transmitido por um verme.

um homem morreu depois de ter apanhado cancro de uma ténia

Um colombiano em 2013, portador de HIV, morreu devido a complicações causadas por tumores nos pulmões e gânglios linfáticos.

O mais assustador foi que depois de terem feito o exame patológico das células cancerígenas descobriram que elas não eram humanas pois tinham um tamanho 10 vezes inferior ao esperado. Mais exames revelaram mas sim do conhecido parasita intestinal conhecido como ténia anã ou "solitária".

Ao que parece, o verme que estava alojado no intestino delgado desenvolveu cancro e as suas células de alguma forma conseguiram invadir o corpo.

Esta foi a primeira vez que médicos viram algo tão bizarro acontecer, a teoria para tal é explicada pelo débil sistema imunitário do homem.

Actualmente, no mundo inteiro existem 34 milhões infectadas com HIV e a ténia é um dos parasitas mais comuns no homem pelo que os cientistas rapidamente se aperceberam que este caso, apesar de raro, não será certamente único.

O parasita tem um ciclo de vida curioso, vive entre dois hospedeiros, o homem e um animal, normalmente o porco.
como a ténia invade o organismo humano

A forma mais simples de interromper o ciclo é cozinhar totalmente a carne que se ingere pois desta forma, o parasita morre.

Se gosta de aquele churrasco com carne mal passada será melhor pensar duas vezes.



Sem comentários:

Enviar um comentário