quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Multas bizarras



Ninguém gosta de receber uma multa mas elas existem por uma boa razão. Infringir as regras de trânsito é perigoso e pode pôr em causa da vida dos outros contudo nem sempre a lei acerta e de vez em quando aparecem estranhas situações que nos fazem franzir o sobrolho de espanto.

Mais rápido que som
multado por conduzir tão rápido como o som
Multado por conduzir a 4800 Km/hora

Há casos e caos sobre o assunto, por exemplo em Araraquara, São Paulo, um motorista foi multado por conduzir em excesso de velocidade, a cerca de 70 Km/h quando o limite da via é de 50 Km/h, porém o carro estava parado e o proprietário estava a carrega-lo.

condutor multado por excesso de velocidade estando estacionado

Quando foi contestar a multa, Secretaria de Trânsito (orgão responsável pelo tratamento destas questões) respondeu que a multa seria anulada de imediato e que o motorista  não teria mais que se preocupar. Quando a história parecia estar resolvida, descobriu-se que até ao último dia para reclamar que a infracção nunca existiu, a Secretaria ainda não a tinha anulado. Por segurança o motorista apresentou uma reclamação e aguarda o desfecho de algo que lhe poderia valer uma multa de 130 reais1 (30 euros).

Mas o bizarro não se fica por aqui, em São Paulo (coincidência não é?) um outro caso insólito, um motorista fui multado porque estava comendo um drop de menta. Ao que parece os agentes de trânsito consideraram que ele não devia de ter tirado as mão do volante e assim a multa é devida.

multado por estar a comendo

Este caso é um pouco estranho considerando que em 2011, o Tribunal de Justiça de São Paulo considerou inconstitucional a lei que proibia fumar durante a condução. A lei argumentava que era ilegal tirar as mão do volante e por isso a proibição de fumar fazia sentido. Será mais perigoso um drops de menta que um cigarro?

Para terminar temos um caso tão bom como aquele do mototista de um automóvel Fiat Uno que foi multado por não usar o capacete. Um homem foi multado porque não usava cinto de segurança enquanto conduzia a sua moto!

multado por conduzir sem capacete
Nunca se esqueça do seu capacete quando conduz o seu Fiat Uno

Alguém tem um palpite sobre em que estado do Brasil isto aconteceu? Se disse São Paulo errou, podia ter sido mas a infeliz vítima desta multa absurda fica no Rio de Janeiro.

A multa chegou para ele pagar 123 reais (27,50 euros) e motivo foi sem estar sem cinto. O que está claramente errado não foi corrigido e por causa disso ele não conseguiu renovar o emplacamento2.


Multado por não usar cinto por acontecemcoisas


Já passaram por alguma situação destas? Qual destes casos mais vos surpreenderam? Conhecem outras multas bizarras?


1 - Obtido por câmbio a 21/02/2016 através dos serviços Google 2 - Em Portugal o equivalente será o Imposto de Circulação



Sem comentários:

Enviar um comentário