quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Homem multado por atirar o seu olho

Atirou o seu olho de vidro contra duas pessoas

Neste mundo insano surge sempre alguma coisa que é capaz ainda de surpreender. Há uns tempos li a história de uma mulher que foi presa porque esguichou o seu próprio leite produzido pelos seus próprios seios num funcionário de uma farmácia. Pensei que este seria o limite mas estava enganado.

Edward Michael Dorsey, de 54 anos foi levado para o hospital num belo Domingo porque se envolveu numa briga em casa, um caso típico de violência doméstica. O objectivo de passarem pelo o hospital era fazer um exame corporal para posteriormente, devido às acusações, poderem decidir de uma forma melhor.

Edward Michael Dorsey atirou o seu olho de vidro no hospital contra uma enfermeira e um médico
Edward Michael Dorsey atirou o seu olho de vidro

Porém Edward não estava muito bem disposto. Quando chegou à sala de atendimento tirou o seu olho de vidro e atirou-o contra a enfermeira e contra o médico.

O médico ainda pediu para ele não tirar o olho de vidro do rosto mas este respondeu:

"Posso fazer tudo o que me apetecer"

No fim, Edward terá que pagar cerca de 25 mil dólares por violência doméstica e 5 mil dólares por uso de violência com o seu olho de vidro.




Sem comentários:

Enviar um comentário