Condutor apanhado a dormir em carro em piloto-automático 🚗

X-Men: Fénix Negra

No mundo dos filmes, parece que a Marvel tem filhos e afilhados. Filhos são os “Vingadores”, com todos os seus super-heróis e os afilhados, os “X-Men”.

Digo isto porque, na minha percepção, o número de filmes que as duas franquias e o destaque que é dada a cada uma delas é bem diferente.

Ao fim de muito tempo, finalmente fomos presenteados com a “Fénix Negra”.

Mas será que a espera valeu a pena?

(Spoilers nas próximas linhas)

Jean Grey é a Fénix Negra

A história

A história foca-se na personagem Jean Grey (Sophie Turner). Uma parte na infância, destacando os momentos antes de ela entrar na escola para mutantes do Prof. Xavier (James McAvoy) e uma outra parte quando uma missão de salvamento corre mal e ela absorve uma energia cósmica.

Na infância, vemos que ela foi responsável pelo acidente que vitimou a sua mãe, Elaine Grey (Hannah Emily Anderson). O pai John Grey (Scott Shepherd), por medo ou desprezo pela filha, entregou-a aos cuidados do Prof. Xavier.

Este por sua vez a ensinou-a controlar os seus poderes e também bloqueou as memórias traumáticas, o que mais tarde se irá revelar um problema.



A outra parte da história gira em torno de como Jean Grey controla os seus poderes, depois de ter absorvido uma energia cósmica que a tornou instável e perigosa para todos os que estão ao seu redor.

A juntar isto tudo ainda temos uma raça alienígena liderada por Smith (Jessica Chastain) que deseja controlar / absorver os poderes de Jean.

A coisa correu mesmo para o torto quando Jean mata Mística (Jennifer Lawrence), levando a uma divisão entre os mutantes que querem ajudar Jean e os que buscam vingança.

Vale a pena ver?

Antes de dar o meu veredicto sobre o filme, devo fazer menção à alienígena Smith que durante todo o filme está de salto agulha e que vai para a batalha final correndo naqueles sapatos.





Lembram-se do cómico que foi ver no filme Mundo Jurássico, Claire fugindo de um T-Rex de salto alto? Pois foi mais ou menos esse o sentimento que tive quando vi a alienígena andando de salto alto no meio do caos e destruição.

Vamos então ao veredicto.

O filme em si é um deleite para os olhos. Tem tudo aquilo que um filme de mutantes merece. Os efeitos especiais estão no ponto certo para mostrar todos os poderes dos mutantes e as cenas de lutas são bastante boas. A história não é má e cumpre o objectivo.

Porém fica aquele gostinho de que soube a pouco. Talvez a saga dos mutantes merecesse mais destaque depois da orgia que foi com todo o universo dos Vingadores.
🎥 Nota final: ⭐⭐⭐⭐




Comentários